quarta-feira, julho 24, 2024
Publicidade
InícioPoáPoá é destaque no acolhimento de afegãos e recebe visita da Agência...

Poá é destaque no acolhimento de afegãos e recebe visita da Agência da ONU

Encontro aconteceu na entidade Aldeias Infantis SOS e contou com a presença da prefeita Marcia Bin e embaixadores da Acnur

Em setembro de 2022 as primeiras famílias de refugiados afegãos chegaram ao aeroporto de Guarulhos, com destino a Poá. Aqui foram recebidos pela instituição Aldeias Infantis SOS, onde tiveram acesso a moradia, acolhimento, atendimento médico, acesso à educação e demais serviços públicos, tudo em parceria com a Prefeitura Municipal.

Quase dois anos depois, muitas famílias afegãs adotaram a cidade como lar – as crianças estudam na rede pública municipal, se alfabetizam e aprendem o português. A Unidade Básica de Saúde localizada no Jardim São José se tornou referência em atendimento médico para eles – uma das afegãs chegou grávida ao Brasil e hoje tem a certidão de nascimento da filha registrada em Poá.

A nova trajetória destas famílias foi retratada recentemente pelo Programa Profissão Repórter e chamou a atenção da Agência da ONU para refugiados (Acnur) – graças ao acolhimento e estrutura encontrados aqui, muitas famílias adotaram Poá como lar. “Queríamos conhecer a cidade que se credenciou e se ofereceu para receber os refugiados. O trabalho realizado aqui é muito bom”, afirmou o representante da Acnur no Brasil, David Torzilli.

Ele veio acompanhado do Ryan Karnes (coordenador sênior do Escritório para Refugiados Migrantes e Populações (PRM) do Governo dos Estados Unidos); da Maria Beatriz Nogueira (chefe do escritório da Acnur em São Paulo); da Vivianne Barbosa (relações externas do Acnur no Brasil); da Ana Gama (gerente de projetos da Organização Internacional para Migrações – OIM); da Lívia Lenci (assistente de projetos da OIM), do Iurqui Pinheiro (chefe de escritório da OIM em São Paulo) e da Luyandria Maia (consultora da OIM em São Paulo).

Para receber os representantes da Acnur, estiveram presentes a diretoria do Aldeias Infantis, a prefeita Marcia Bin e o secretário municipal de Saúde, Alexandre Provisor. “É motivo de orgulho para nós poder proporcionar a cada uma destas famílias um novo lar, e mais do que isso, poder proporcionar a esperança de dias melhores e o começo de uma nova vida”, afirmou.

O secretário de Saúde lembrou que todos os refugiados seguem com acompanhamento médico, odontológico e até psicológico, quando necessário. “A UBS do Jardim São José é referencia em atendimento para as famílias e seguimos oferecendo toda a estrutura pública para todos, como verdadeiros cidadãos poaenses”

Publicidade
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidade

MÚSICA E ENTRETENIMENTO

ARTIGOS POPULARES